quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Postar não vai ser a mesma coisa

Perder-me em elogios ao meu Babe e dizer que é um querido, não é de todo novidade por aqui.

Que ele é um fofo que me compreende e que descobre mil e uma coisas que eu gostaria de ter também não é novidade.

Pois é então o meu Babe, mais fofinho, dos Babes fofinhos, do universo dos Babes fofinhosimage, fofinhos, ofereceu à sua favorita, um brinquedo destes.

E a sua favorita deu dois gritinhos de alegria, pois que uma coisa destas para além de registar os pensamentos dos mais apressados, como eu, também tem rádio e MP3.

O bichinho eliminou a necessiade de caneta e papel à mão, e o seu peso de 51 gramas com bateria incluida.

Pois postar não vai ser a mesma coisa, graças à sua maravilhosa porta USB.

Gracias Baby. Muchas Gracias.

Isabelle Caro

 

image

Name: Isabelle Caro

Idade: 28 anos

Altura: 1,65 m

Peso: 32 Kilos

 

 

 

 

Morreu no dia 17 de Novembro, a causa da sua morte ainda não foi divulgada, mas não será dificil tentar adivinhar.

Lutou contra a anorexia, e mostrou-se ao mundo sem subterfúgios.

“Esta foto, sem batom ou maquiagem, não me dá nenhum valor. A mensagem é forte: tenho psoríase, o peito caído, um corpo de pessoa mais velha”

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

11# Sabia que?

80% do peso do nosso cérebro corresponde, nada mais nada menos do que a água?

Será que devemos beber muita ou pouca?

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal

 

image

As pessoas, em geral dizem que o Natal é tempo de paz, de amor ao próximo, tempo da familia, dos amigos, dizem que é tempo de fazer as pazes, de deixar de lado, de perder rancores, dizem que é tempo de perdão.

E depois à algumas pessoas que dizem que o Natal é quando os homens quiserem.

Pois os homens deveriam querer todos os dias.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Mais um passo para reabrir o meu blog

Infelizmente no dia 9 de Abril de 2010, por razões profissionais, tive de trancar este blog. Que apesar de anónimo diz muito de mim e da minha vida.

Tristemente os que liam algumas das minhas “crónicas” se é que o que escrevo se pode chamar assim, ficaram sem poder ler a minha explicação, já que apesar de a ter dado a sua leitura nao era premitida a todos.

O tempo foi passando, e ao longo dos meses, fui escrevendo acerca do assunto, se o fazia ou não, reclamava que tudo era pior que a pide, e divagava sobre reabrir este blog.

A verdade é que continuo insatisfeita e deveras aborrecida com todo este “medo”, afinal eu escrevo aqui de forma anónima, não aponto nomes de ninguém, e nunca a não ser que eu o diga ou escreva outros saberam quem sou, quem são as pessoas que preenchem a minha vida, e quem são os que perturbam o meu bem estar profissional, contudo não consegui até hoje voltar à escrever livremente na blogoesfera, o meu medo de que me podessem associar a este blog e as horas em que muitas vezes postei, e consequentemente me podessem prejudicar, levaram a mantivesse até hoje as coisas exactamente como estão.

Tenho enviado muitos curriculum, mas os trabalhos estão cada vez mais difícies e é também essa razão que me leva a conservar o meu trabalho, ainda que o mesmo seja mau.

Assim, resolvi trocar o nome ao blog, e o seu endereço, numa tentativa de escapar à infeliz sorte do Meu Editorial.

Por hora vamos continuar fechados ao público em geral, mas não será para sempre.

Cristiano Ronaldo e Jeans Armani

 

Tenho feito aqui alguns comentários sobre o Cristiano Ronaldo e a sua familia. Verdade que alguns deles não são o mais querido que há.

Mas hoje depois de ler este post da Rititi, fui espreitar o novo anuncio e pronto.

Estou rendida!!!

O rapaz é realmente um Chuchu.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

O Plágio é lixado

Todos sabemos que a blogosfera é livre e que cada um pode escrever o que quer sem dar cavaco a ninguém, mas cá para mim parece-me que ficava muito melhor a certos autores de blog, que escrevem cerca de duzia e meia de posts diários, não copiarem mal e porcamente o que outros já escreveram.

É que parecendo que não, e apesar de a maioria dos blog copiados tem muito menos “audiências” que os copiões. Não consigo perceber como que são estes blogs os que estão no top dos mais vistos, francamente que não consigo. Da-me ganas e muita azia ver gente sem uma pinga de criatividade passar por grandes e fantásticos autores.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Stick Lèvres da Uriage

image

É somente um dos melhores sticks hidratantes que conheço!!!

Deixa os meus labios hidratados e super suaves, e não daqueles batons peganhentos, ponho uma vez de manhã e uma a meio da tarde, por precaução, quando estou mais “atacada” pelo frio, uso três ou quatro vezes, e em dois dias estou como nova.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Pedro Boucherie Mendes

 

Pronto, eu gosto deste tipo!!!

image

E passei a gostar mais ainda, quando o ouvi nesta entrevista para o programa “Alta Definição”.

Ok!!! Ele enganou-se quando disse que os politicos ganham pouco, queria concerteza dizer que eles ganham muitíssimo para o que fazem, ou seja nada.

De resto, genial, bem humorado, implacável, rácional, frio, enfim um tipo muito interessante.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

he’s just not that into you

image

Vimos ontem à noite, e muito ao jeito do tipo de filme “Loves Actually”, com muitas histórias em que os personagens têm pequenos pontos de ligação, “he’s just not that into you” revelou-se uma surpresa deliciosa.

Os relacionamentos a dois, as motivações individuais, as paixões, obsessões ou até mesmo as rejeições são tão reais.

Certamente que todos os que viram, se identificam, nem que seja por breves momentos com alguma das histórias ou personagens.

Levou-me às lagrimas em determinados momentos, mas eu também sou uma chorona!!!

Recomendo a todos, a todos os amantes de comédias románticas, e em especial aos amantes de grande nomes como Jennifer Aniston, Ben Affleek, Drew Barrymore, Scarlett Johansson, e Justin Long

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

7 de Dezembro

imagePara muitos é só a vespera do feriado, para mim, faz seis anos que fui pedida em casamento.

Um dos melhores momentos da minha vida que guardarei até que a memória me permita.

Hoje complemento as felicidades daqueles tempos, os momentos de carinho e amor.

Que seja para sempre. Sempre que nos amarmos e quisermos estar um com o outro.

Obrigado por me amares!!! Eu também te amo.

1# O que eu dava agora por um prato destes

 

image

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Restauração da Independência

Somos um país republicano, não vou discutir se para bem se para mal, que nos dias que correm acho que começo mais a tender para a monarquia do que para a sustentação desta república ridícula.

Estava eu a dizer, discussões à parte, no momento somos um pais republicano,... ainda só voltando ali a trás (e desculpem estas idas e voltas constantes da minha escrita) mas queria deixar claro o meu ponto, as pessoas tendem muito a confudir monarquia com regimes anti-democraticos, o que não têm absolutamente nada que ver, alias o tempo das monarquias absolutistas ficou muito há muito perdido na história, reparem em paises como o País de Gales, a Suécia, a Holanda, a Noruega, ninguém pode negar a sua democracia comprovada e o seu desenvolvimento. Mas enfim, apesar de tudo continuamos um regime republicano, com convensões sobre a liberdade, que se tornaram moda chamar ao falatório sempre que à discursos sobre o que quer que seja.

Hoje, num pais republicano e incoenrente, comemoramos 350 anos desde que mandamos os "Filipes" para a sua casa e "limpámos" a nossa.

Foram oitenta anos que gramámos os Espanhois e que Graças a Deus Nosso Senhor nos ficaram de emenda, quer dizer... deveriam ter ficado mas ao que tudo indica os anos em que "comemos o pão que os Espanhois amassaram" foram esquecidos à uns setenta anitos, afinal passamos a trata-los como "nuestros hermanos".

imageBom o que eu queria mesmo dizer é que neste dia comemoramos o fim da borrada do Rei D. Sebatião e o pontapé no c# que demos aos "bizinhos", apesar de sermos um pais republicano que no dia 5 de Outubro comemora euforicamente o fim da monarquia.

Mas OK, um feriado é um feriado e tuga que é tuga não se importa o que ele comemora, apenas que é aquela comemoração que o deixa um dia inteirinho em casa sem fazer um c#

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

“Meu Amor”

Diz que a novela meu ganhou um Emmey para a melhor telenovela internacional, pergunto eu ganhou porque realmente é muito boa, ou porque a Rita Pereira é super boa?

ah, antes que me esqueça, só quero confirmar que a tolina que aparece a dizer ganhamos ganhamos aos pulinho é mesmo a Alexandra Lencastre.

Tive umas destas em miuda

image_thumb

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

"Não te Cases"?

A propósito do post desta menina, sobre o casamento, deixei por lá um coment, que gostaria de partilhar, já o reli duas ou três vezes, e não consigo eliminar uma vírgula ao que disse sobre o meu amo

“Namorei quase seis anos, e estou casada há quase cinco e da minha experiência pessoal só posso dizer que de facto o casamento mudou absolutamente tudo.

Primeiro porque nunca tínhamos morado juntos antes de casarmos e depois, porque as rotinas diárias de uma vivência em conjunto testaram à exaustão o nosso amor.

No entanto há alguns pontos que gostaria de esclarecer, relativamente ao meu “comprometimento”, eu absolutamente não me comprometi para toda a vida numa relação, na altura em que disse sim, comprometi-me na minha vida, em fazer tudo para amar ainda mais, aquele homem, em fazer tudo para continuar um relacionamento honesto, sincero, mas sobretudo feliz.
Passados quase onze anos de ter dado o meu primeiro beijo (note-se que sim, o meu marido, foi e é o único homem da minha vida) contínuo com um namoro, um casamento, um relacionamento, autentico, cheio de paixão, tesão e tudo mais o resto, mas também muito cheio de carinho, de compreensão, e de um bebé lindo que é o nosso pequeno niquinho.
Enquanto não tivemos filhos e não tivemos horários mais rígidos era mais fácil, “cuidarmos” do nosso casamento, mas com crianças, apesar de mais difícil é uma tarefa completamente concretizável, exige obviamente que exige o mesmo que quando não se te filhos, ou quando não se é casado e mora-se junto, ou o quando apenas se namora e está cada um em sua casa, exige a necessidade de ver o outro feliz, porque assim somos felizes, afinal acima de tudo está esse sentimento tão complexo que é o amor.
Toda a gente concorda que o respeito, e a compreensão são fundamentais num relacionamento, mas o problema está na definição que cada um lhes dá, para mim o respeito mútuo, implica que nenhum dos dois se anule, nos seus sentimentos, objectivos e motivações mas que ao mesmo tempo seja capaz de ceder nos momentos em que os sentimentos, objectivos e motivações de ambos entrem em conflito, e para isso é preciso compreensão, no outro e em si próprio.

Claro está que tudo isto é muito bonito, mas o sexo é fundamental, a tal chama que todos falam, então nada de esquecer noites de loucura e jantares, e fim-de-semana.

Posto tudo isto e só para terminar, nada de maturidade, eu casei com 23 anos (nada de dizerem que eu não sabia o que fazia, acreditem já ouvi isso mais de 100 mil vezes) era e sou, super nova, e já tive discussões de meia-noite com o mais-que-tudo, mas no fim, somos incapazes de nos deitarmos sem estar tudo esclarecido, nem que seja debaixo dos lençóis.

Posso não ter certezas de nada nesta vida, posso não ter certezas no futuro, quem as tem? Posso não saber o nosso amor vai acabar, mas tenho a certeza de uma coisa, hoje amamo-nos, e fazemos tudo para cultivar esse amor.

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Michael Bublé em Lisboa

Fazendo aqui um rescaldo do que foi o concerto do Bublé, a que infelizmente não assisti, os Portugueses ao que parece renderam-se  a este fantastico cantor de jazz.
O seu talento, encanto e sobretudo a sua expressão musical arrasaram em Lisboa.
Fonte próximas contaram que os concertos de fecho da Crazy Love Tour, foram maravilhosamente excepcionais, delirantes, contagiantes, e imperdíveis*
Foi em Lisboa que revelou estar noivo e prontíssimo para o matrimónio, mas o momento alto da noite foi ao que tudo indica quando Bublé após cantar “Home” admitiu que se sente em casa em Lisboa, não seja por isso eu ofereço-me para as mudanças (em troco de algo claro está uns bilhetinhos para os próximos concertos, que são só na Austrália).
Se esta história toda não foi só 31 de boca e o Sr. gostou mesmo de Portugal, espero que no próximo ano, nos faça uma surpresa e volte, volte depresa.
Lisbon is waitting for You!!!
*sim, neste momento estou com cara de bambi perdido e quase a ser comido por um leão

9# Sabia que?

A maior ponto do mundo, Causeway do lago Pontchartrain, nos EUA têm apenas 38,422 Km?


bah! pequenita, não?

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

O que eu (não) dava…

por um bilhete para o concerto de dia 2 ou 3 de Novembro,

com este Sr.

image

 

Infelizmente cheguei tarde às bilheteiras, e o preço na candonga está para lá de caro.

Simplesmente recuso-me a dar 150 euros por um bilhete que custou a outra pessoa 35€, é que nem o Michael Bublé me faz perder esse principio.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

É que nem me vou dar ao trabalho

De escrever absolutamente nada sobre esta novela que é o nosso orçamento, os nossos politicos e a porcaria do nosso país.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

sábado, 23 de outubro de 2010

Estes “Srs.” são uma vergonha!!!

 

image

Mas a vergonha ainda não lhes chegou, pelos vistos atrasou-se nos correios,

porque se já tivesse passado pelos quatro, há muito que tinham ido para casa.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Mariana Rey Monteiro

 

Faleceu ontem de causa natural em sua casa, Mariana Rey Monteiro, uma actriz Portuguesa, filha de Amélia Rey Colaço e de Robles Monteiro, Mariana estreiou-se no Teatro Nacional em 1946.

No entanto apenas se tornou conhecida do grande público, como a “mãe da Joaninha” na série Duarte e Companhia andava sempre com um tijolo na carteira e combatia os bandidos.

image

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Esta está TOP!!!

 

O blog 31 da Armada, fez uma noitada e reuniu em cinco minutos, algumas das pérolas deste governo que não sabe o que anda a fazer quando governa este país.

Inicialmente o video tinha cerca de 30 minutos de contradições, mas os autores decidiram que era muito massador, para quem lia, e retiraram 25 minutos de estupidez do ar.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Hoje é um dia histórico…

Hoje é um dia histórico no Chile, e é um dia histórico também em Portugal, o 13 de Outubro e a Nossa Senhora são indissolúveis.

Mas hoje no Chile, apesar de provavelmente não se lembrarem ou tão pouco saberem que é dia de Nossa Senhora de Fátima, a Mãe de Deus, a Esperança e a Fé, acompanham todos os 33 homens das Minas de São José e as suas famílias.

O que estranhamente e contra todas as probabilidades se revelou uma operação de regaste de sucesso, mostrou ao mundo, que muitas vezes, quando as tragédias batem à nossa porta, não nos devemos dar como vencidos, porque simplesmente, a fé move montanhas.

Encurralados desde 05 de Agosto, a 622 metros de profundidade, o desespero e a aflição atingiu em muitos momentos estes 33 homens, mas todos eles se agarraram às suas famílias, pais, mulheres, filhos, e amigos, todos eles se uniram em torno do mais nobre sentimento do mundo, o amor.

Com a presença constante do aluimento de terras, durante toda esta operação inédita, e o perigo do tubo por onde estão a ser resgatados entupir, a perseverança, da equipa de salvamento e dos mineiros é surpreendente.

Antes do resgate fazem uma preparação calória e tomam aspirinas e durante a subida, as suas funções vitais são medidas. Quando chegam ao final da jornada, pais, mulheres e filhos, abraçam-se, são imagens emocionantes, e eternas de alegria, de alivio, de agradecimento.

Justiça seja feita ao presidente do Chile, que considerou prioridade n.º 1 o resgate destes homens, não medindo esforços nem recursos, e que também está lá neste dia tão decisivo para os abraçar e encorajar.

Apesar de algumas desavenças, perfeitamente normais nas circunstancias aterradoras em que se encontravam, no momento em que decidiam a ordem de resgate, todos os mineiros queriam ser o último a ser salvo, todos puseram o outro a sua frente.

Eça de Queiroz, disse um dia que “o sofrimento edifica” hoje não podia estar mais de acordo, aqueles homens, aquelas famílias, a fantástica equipa técnica e todos os chilenos são pessoas renovadas.

sábado, 9 de outubro de 2010

Reabri-lo?

Este blog está fechado há alguns meses, infelizmente problemas profissionais, conduziram a este triste desfeito!!! Neste momento parece-me que a poeira já acentou e como tal, será que o poderia reabrir à experiência? Ou será que vou correr riscos desnecessários?

Espero um dia conseguir reabri-lo e mantê-lo assim para sempre, sem problemas, nem pressões, porque  eu nunca tive intenções de o trancar, contigências menos felizes de artistas medonhos, obrigaram-me a faze-lo ainda que contra a minha vontade.

Apesar do meu editorial estar trancado desde 9 de Abril, faz precisamente hoje 6 meses que o fechei, este blog nunca deixou de ser o meu escape e continuei a escrever na esperança de um dia o reabrir.

Será que esse dia chegou?

terça-feira, 5 de outubro de 2010

5 de Outubro

Dizem que este dia comemora o fim da Monarquia e o princípio dos tempos sem corrupção.

Pois eu digo que tristemente comemoramos o fim dos tempos de corrupção organizada, é que hoje em dia isto é um desgoverno!!!

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

1 a 2. H # Eu já vi

Carríssimos, a sétima série já começou e eu já vi os dois primeiros episódios.

image

Posso dizer-vos que finalmente a série deu a reviravolta tão esperada

e que…

o HOUSE e a CUDDY estão

amiguinhos, amiguinhos!!!

domingo, 19 de setembro de 2010

Sébium AKN–Bioderma

Vim agora do dermatologista, entre outras coisas, recomendou-me este creme Sébium AKN da Bioderme e o respectivo gel,  estou com esperanças, esperanças no sua fórmula patenteada, preciso de uma pele mate e sem acne envelhecido!!!

 

image

terça-feira, 14 de setembro de 2010

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

O nosso triste Portugal

Não que sejamos um país de analfabetos,

image

mas com toda a certeza que somos um país de iletrados.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

José Maria Martins acusa Ferro, Pedroso e Gama

image

“O advogado de Bibi volta a referir a pressão exercida pelo PS para  esconder suspeitas sobre  alguns dirigentes do partido.

Ferro Rodrigues, Jaime Gama e Paulo Pedroso. Estes três nomes voltaram a ser referidos pela defesa de Carlos Silvino - alguns anos depois da sua referência no inquérito - como igualmente responsáveis por abusos sexuais a ex-casapianos. A denúncia foi feita por José Maria Martins, advogado de defesa de Carlos Silvino, ao DN.

O advogado fala em interferência do Partido Socialista no processo Casa Pia e defende que Ferro Rodrigues, Jaime Gama e Paulo Pedroso deviam ter sido julgados, tal como estes arguidos que sexta--feira foram condenados a penas entre os 5 anos e 18 anos de prisão.

O advogado garante ainda que Ferro Rodrigues e Jaime Gama só não chegaram a ser acusados por prescrição dos crimes. O DN tentou contactar os três socialistas ao longo da tarde de ontem, mas sem sucesso.

"O Partido Socialista fez tudo para proteger o partido neste processo", diz o advogado ao DN. Segundo a mesma fonte, neste caso - que veio para a praça pública em Novembro de 2002 - estão envolvidas "altas personalidades da maçonaria, portuguesa e internacional, e Paulo Pedroso deveria ter sido julgado neste processo".

José Maria Martins relembrou um episódio que ilustra, segundo o advogado, a "mentira" das declarações do deputado socialista.

"Paulo Pedroso disse que nunca tinha ido à Casa Pia antes de 2002, mas a verdade é que ele já lá tinha estado nos anos 90." Isto porque, diz o advogado, o socialista esteve na instituição em 1990 e 1991 e fez entrevistas a mais de 735 jovens. "E Ferro Rodrigues e Jaime Gama também deveriam estar aqui, já que os jovens que acusaram Carlos Cruz também os acusaram", concluiu.

José Maria Martins sublinhou ainda que Carlos Silvino foi uma espécie de "bode expiatório" neste caso. "Toda a gente sabe que ele é o desgraçadinho do povo e que era fácil carregar-lhe em cima", considerou. "Iremos fundamentar recurso para o Tribunal da Relação. Já apresentámos recurso e iremos fundamentá-lo, porque entendemos que a pena é demasiado elevada", disse José Maria Martins, acrescentando achar "questionável" que a condenação do seu constituinte tenha sido feita facto a facto e não como um crime condenado.

Apesar de ter confessado os crimes e de ter envolvido os restantes arguidos que se sentaram com ele no banco dos réus, Carlos Silvino mostrou-se sempre apreensivo e ansioso com o dia da sentença.

Antes de conhecer a sentença nas contas do seu advogado, José Maria Martins, seria condenado a pena não superior a cinco anos e suspensa na sua execução. "Tendo em atenção que o meu cliente tem 54 anos, acaba por ser um produto da própria Casa Pia."

 

In Diário de Noticias, 06 de Setembro 2010

A Análise da Sentença – Escandalo Casa Pia

Feita no programa de Mário Crespo, por Felicia Cabrita, Pedro Namora, Adelindo Granja e Professor Américo.

sábado, 4 de setembro de 2010

Casa Pia – A Coerência I

Este excerto já tem uns dois anos, no entanto quem não soubesse a data, poderia acreditar que a análise de Pedro Namora, foi proferida este fim-de-semana, tal é a coerencia que este Sr. tem tido ao longo destes oito anos de processo.

Sinto-me feliz, e com confiança neste País quando vejo que ainda existem Homens deste calibre em Portugal.

Bem hajam.

Casa Pia – A Coerência II

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Rodrigo Guedes de Carvalho entrevista a Carlos Queiroz na SIC

Rodrigo Guedes de Carvalho, entrevistou Carlos Queiroz e fiquei muito, muito desiludida, não com o Carlos Queiroz, que sinceramente parece-me um fantoche no meio desta triste história, mas sim com um entrevistador experiente, com uma carreia brilhante no jornalismo português e que se deixou levar, nem sei bem porque, mas que se comportou de uma forma arrogante, insolente e altiva.

Vejam e julguem.

 

 

sábado, 28 de agosto de 2010

Amiga sabes porque é que eu sempre torci por ele?

image Porque ele foi o primeiro homem que te viu como és, bonita, doce, insegura, menina mulher. E não teve medo nem vergonha, de mostrar que se sentiu atraído por ti, não se importou com o que os outros poderiam pensar, o que ele queria era ficar com esse diamante em bruto que és.

E depois das tareias de nãos* que tu lhe entregaste ele nem assim desistiu. Ele viu em ti, o que tu não vês, não foi como tu, ele viu uma mulher sensual, uma mulher tímida, mas muito divertida, amiga, uma mulher à espera de ser amada.

Não podes ter medo de amar, de mostrares que amas, de ires à luta, porque a passividade mata as esperanças. Promete-me que no dia que encontrares o homem que vale a pena, te entregas de cabeça, e não te preparas para nada, apenas vives.

*Aos restantes leitores deste blog não, a minha amiga não mandou pastar o Raoul Bova, eu é que em tão poético post, me apeteceu por uma cara bem laroca.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Estou sozinha no escritório, e pela 1ª vez a trabalhar a 90%

Somos quatro no meu departamento, inicialmente quando entrei na empresa éramos apenas três, um coordenador e duas assistentes, mas quando fui de licença de maternidade a pessoa que me veio substituir por 6 meses, acabou por permanecer na empresa, no nosso departamento.

Em tempos de férias, ficou inicialmente combinado que teriam de estar sempre três pessoas, e assim foi, conciliamos as férias.

O coordenador esteve em serviço exterior, e a pessoa que inicialmente tinha vindo para me substituir ficou adoentada, por isso e como uma das três assistentes estava de férias, fiquei sozinha no escritório, e não é que chegado o fim do dia e em jeito de balanço contabilizo que pela primeira vez um rendimento produtivo?

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Mais uma vez.

“A próxima vez vou estar atento à tua fisgada
Encruzilhar-me na tua bancada,
Ficar num canto e não me mexer.
 
Mais uma vez, vou seguir todos os teus caminhos,
fugir fingindo que me vês sorrindo,
Para te ficar quando eu puder
 
Quero ser personagem de banda desenhada,
Onde me assumo numa cena errada
E em que todos me vão descobrir.
 
Quero ficar, um pouco mais dentro do teu casulo,
Faço de conta que sou teu, e tu és meu assunto,
Onde eu me entrego e tu te dás a conhecer.
 
Que ninguém vá onde vou, nunca estás onde estou.
Que ninguém fale de quem falou, nunca digas quem eu sou.
 
Da próxima vez, vou querer toda a tua atenção,
Vou esperar que me estendas a mão,
E que me deixes cair a seguir.
 
Mais que uma vez, puseste à prova o teu sexto sentido,
Depois dás o dito por não dito,
Como eu gostava de te compreender.
 
Quero ser, a solução do teu problema
Participando nesse mesmo esquema
Que só tu sabes entender.
 
Queria ter só um pouco desse teu talento,
Tiro as vogais e ponho os assentos,
Estou preparado para o que der e vier.
 
Que ninguém vá onde vou, nunca estás onde estou.
Que ninguém fale de quem falou, nunca digas quem eu sou.”
 
João Pedro Pais

sábado, 7 de agosto de 2010

Chrono Plastic

image

 

 

Ofereci em nome do meu niquinho um exemplar encarnado ao meu mais-que-tudo, no dia do Pai.

Pecadora me confesso, quando com alguma frequência o trago por engano no meu pulso esquerdo.

O relógio é lindo!!! Vejam lá como é que o danado do bichinho vai parar ao meu pulso.

3ª Lua-de-mel

Para o próximo ano, faço 5 anos de casada, como este ano que passou fizemos 10 anos desde que começamos a namorar, mais mês menos mês, entre as duas datas marcantes passaram cerca de 9 meses, decidimos, que queremos comemorar com uma grande viagem.
A ideia inicial foi voar durante uns 10 dias para as praias asiáticas, mas de longe perdemos essa ideia, e neste momento andamos a sonhar com 15 dias entre New York e a French Polynesia.
Já decidimos que teremos de abrir os cordões à bolsa, sim porque uma viagem destas vai mesmo custar os olhos da cara, mas enfim entre North Atlantic e Pacific Ocean, perdoará os euros que vão às experiências e memórias fascinantes que estes lugares proporcionam.
Tenho a certeza que muitas pessoas, incluindo pessoas próximas, vão achar o dinheiro super mal empregue, afinal são muitos €€€€, mas eu não quero pensar duas vezes porque não me quero sentir culpada.
A estratégia agora é começar a procurar agências e promoções.

E mais uma coisinha só

Com cinco anos de casamento, acho que mereço uma coisa deste género, não?

clip_image002 Ou será que terei de esperar pelos 10 anos?

Inspiração / Resolução.

Tenho sentido uma inspiração confortante para ir alimentando este magnifico blog, são temas de conversa, programas de televisão, livros, acontecimentos, eu sei lá, são tantas, tantas coisas, que fico quase submersa em tantas ideias e pensamentos.

Por isso tomei uma resolução, vou pedir para o meu 28º aniversário um fantástico gravador portátil, daqueles pequeninos que se ligam ao computador. Depois será apenas necessário pôr os fones e completar as ideias em ficheiro de texto.

Estou com vontade,

De ter outro fofinho…

 

clip_image002clip_image004clip_image006

clip_image008

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Desconvidar na véspera...

Soube hoje no escritório, que há gente que na véspera do seu casamento telefona a amigos a quem enviou o convite à meses a dizer, considerem-se desconvidados.

Mas isso é possível?

E não, não pensem que foi porque o casamento se desfez, nada disso, foi mesmo porque os noivos pensaram melhor e não quiseram mais aquelas pessoas no casamento, sem motivo aparente.

Ora meus amigos, se fosse comigo eu ai na mesma à Igreja para desejar as maiores felicidades aos noivos, de qualquer modo na véspera, já tinha gasto dinheiro no vestido, tinha que o estrear.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Gosto e Não Gosto by el Trinca

Gosto de doces, gosto de pudim de ovos, de leite creme, gosto de arroz doce, gosto de mousse de chocolate e bolo brigadeiro, não gosto de baba de camelo nem doce gila.

Não gosto de xicos espertos, nem suporto os condutores da faixa do meio, gosto de conduzir, adoro conduzir. Gosto de carros grandes, mas odeio estaciona-los.

Gosto de comer leite condensado às colheradas e bacalhau à brás às garfadas; gosto de dormir a sesta e de me deitar numa cama com lençóis lavadinhos e bem esticados.

Adoro melancia, e gosto muito orégãos na sopa.

Gosto de ir à praia, mas gostava mais ainda se as areias não se colassem ao corpo. Gosto de ler, e de ir ao cinema, adoro chorar nas comédias românticas, mas não suporto quando choro nos dramas.

Gosto de andar de eléctrico, daqueles velhinhos, velhinhos, gosto de fazer compras, gosto de chinelas rasas, adoro tomar banho, gosto de toalhões quentinhos e felpudos.

Não gosto de empregadas de loja, empertigadas, com ares de estilista e manias de top model. Não gosto de lojas que apitam quando entramos, e tornam a apitar quando saímos. Adoro antiquários, odeio os preços das coisas de lá.

Gosto de algodão doce, e de feiras, gosto de farturas e carroceis. Gosto de piqueniques e croquetes pequenos, gosto de toalhas de mesa, e de serviços de porcelana, adoro copos de cristal e os copos de oferta das bebidas gasificadas. Gosto de receber em casa, de preparar o jantar e fazer sobremesas deliciosas. Gosto de gelados e chocolates e gomas.

Não gosto de telemóveis, não gosto de phones nos ouvidos, não gosto de picar o ponto, não gosto de pagar parquímetro e ser multada na mesma, não gosto dos fiscais ceguetas, nem dos bloqueadores de carro injustos.

Gosto de filas, mas só quanto também estão à espera pessoas simpáticas com quem possa conversar, gosto de relógios de parede e do telim telão de 15 em 15 minutos.

Gosto de cães, não gosto de baratas, odeio baratas, tenho mesmo muito medo de baratas.

Gosto de dormir no sofá, gosto de dar beijinhos, e de receber muitos. Amo, quando o meu marido diz que me ama, gosto de festinhas no cabelo.

Já disse que gosto muito de tomar banho com água quentinha e de toalhas quentinhas e felpudas? Gosto de sair, adoro carteiras e sapatos, gosto de anéis, e pulseiras. Gosto de canetas e bloquinhos, e papelinhos com clipes, adoro clipes coloridos, adoro agendas e quantas mais tiver melhor.

Gosto de comer pasteis de Belém, e detesto as filas de lá, nunca há gente simpática para conversar, gosto de tirar fotografias, e de andar com elas na carteira. Gosto de fotografar com o meu pai, e resmungar dos enquadramentos.

Gosto do cheiro da alfazema e dos campos cobertos com a sua cor purpura, não gosto de girassóis, nem de ouvir rádio, odeio rádios, tenho um trauma com rádios. Gosto de fazer bolos, e mexer na farinha, mas não gosto de partir os ovos. Gosto de salame, e docinhos de coco.

Não sei se já disse mas gosto mesmo de tomar banho com água quentinha e dos toalhões quentinhos e felpudos.

Gosto de me rir, gosto de ouvir piadas, gosto de viver a vida, de dançar, e cantar, gosto de me ouvir cantar desafinada. Não gosto de gente cínica, nem aldrabona. Gosto de falar sozinha, só que odeio quando me apanham.

Gosto de perfumes, e do cheirinho a bebés. Ah, adoro bebés, loirinhos, gordinhos, pretinhos, branquinhos, fofinhos, adoro bebés. Amo o meu filho, e gosto quando gostam dele. Gosto de ver as risadas e brincadeiras entre pais e filhos, entre netos e avós. Gosto de falar com a minha mãe, de almoçar e ir às compras com ela.

Gosto de falar, falar muito, gosto mesmo de falar, gosto tanto de falar. Gosto de ficar no silêncio, gosto de ouvir os passarinhos e as ondas do mar.

Gosto dos ouriços, e das arvores frondosas, gosto de margaridas, e de rosas, gosto de azedas e de chupar o seu suco azedo, gosto do cheiro a terra molhada. Gosto de sumo de laranja, não gosto de sumo de maracujá, não gosto de sumo com bolinhas. Não gosto de andar de avião, mas gosto muito de viajar.

Gosto de pintainhos e lagartixas, gosto do Sporting, tolero o Benfica não gosto nada do Porto.

Gosto de comprar souvenires, gosto de comprar ponto. Amo dar presentes. Gosto muito do Natal, não gosto do Carnaval, são poucos dias, passa num instante. Gosto de finais felizes e de namorados. Gosto de ir a casamentos e bodas de ouro, não gosto de divórcios, nem separações.

Não gosto de dizer adeus.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Lá perto em Sete Rios

image Quando era gaiata, ia todos os anos, visitar a família distante. Sete Rios era perto do casa apesar da viagem parecer uma eternidade.

A excitação e o sonho de estar com os bichinhos, viver aventuras, dar de comer aos patinhos, não me deixava dormir, e mal raiavam os primeiros raios de sol, perfilava junto à cama mais certinha que os guardas reais de sua majestade a Rainha de Inglaterra.

Hoje o Jardim Zoológico organiza pequenas actividades diárias, e aproxima as crianças da cidade aos bichos, à vida rural e à natureza.

Sabe deliciosamente bem ver a criançada em êxtase pelos golfinhos, pelas cabras malhadas, pelas cobras e aranhas, sabe deliciosamente a passado e a infância, a tempos de alegria e felicidade.

Zubin Mehta

image Em jeito de provar ao mundo que as guerras podem ceder ao poder da música, das emoções e dos sentimentos humanos. O maestro indiano da orquestra Israelita, Zubin Mehta, organizou um concerto de música clássica, na Faixa de Gaza.

Desde o momento em que tem a infelicidade de serem capturados que os soldados feitos prisioneiros de qualquer pais do mundo, têm a certeza que se os seus captores seguirem a Convenção de Genebra serão tratados com humanidade.

Os soldados do Hamas feitos prisioneiros em Israel, podem ser visitados por membros da Cruz Vermelha, e ocupar o seu tempo estudando, caso esse seja o seu desejo, no entanto, o inverso não é regra, e quando os soldados israelitas são capturados, deixam de existir para o mundo.

O exemplo divulgado é o de Gilad Shalit, Gilad Shalit foi capturado por forças do Hamas há quatro anos, e desde essa altura que a família deixou de ter noticias suas, por isso o maestro Zubin Mehta em conjunto com a família do jovem, organizou este concerto político, no meio da zona de guerra.

O intuito é comover corações, agitar consciências e pedir aos homens com poder, para dialogarem sem panos de fundo, com sinceridade de possível convivências pacificas.

O conflito do médio oriente, há muito que passou o limite do sustentável, conduzindo às piores das acções humanas, e a barbáries irracionais, o ser humano deixou de ter essa condição e passou a vigorar o palestiniano ou o israelita, fundamentalistas e opressores os líderes de ambos os lados, não conseguem conduzir os seus povos, ao consenso e à convivência pacifica, é verdade que perdoar é difícil e ser perdoado também, mas o exemplo digno arrasta multidões.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Pior que Pide

Como sabem, (apenas os mais próximos nesta altura em que escrevo) O Meu Editorial, transformou-se (ainda que temporariamente) num blog “fechado”, porque em Abril deste ano, entre outras coisas, o departamento de informática da minha empresa, recebeu ordens expressas do meu coordenador, para monitorar, todos os passos que eu dava na internet, nomeadamente, os e-mails que enviava, páginas que acedia, quanto tempo ficava, uploads e downloads, o que escrevia no messenger, enfim devassar e mourejar a minha vida pessoal.

Apesar deste blog estar escrito sobre forma de pseudónimo, quando soube que estava a ser espionada, já teriam passado duas semanas, desde que a ordem fora dada, e eu no entretanto teria feito uploads de post’s ao O Meu Editorial, decidi então, para bem da minha segurança pessoal e profissional, que deveria manter o blog, encerrado a todos os leitores indiscriminados, e abri-lo apenas aos poucos que identificam a el Trinca com a minha verdadeira identidade.

Não podia correr o risco, de deixar margem a um confronto com a existência de um blog, sobre o qual não haveria dúvidas sobre o autor e no qual tecia considerações sobre pessoas reais com quem trabalho.

Assim, O Meu Editorial, foi “fechado” com muita baba e muito ranho, o menino dos meus olhos estava interdito ao comum das pessoas, aqui descobri que sei e gosto de escrever, aprendi a não ter medo de me expressar, e a acreditar que existem outros que valorizam as minhas ideias, a minha pessoa. Nunca deixei morrer as esperanças de um dia o “reabrir” de mostrar ao mundo, o meu mundo, as minhas edições.

Hoje o jogo mudou, recebemos uma informação interna, que basicamente diz que todos os trabalhadores passariam a ser monitorizados.

Quais as metodologias usadas, bom isso ninguém sabe, quer a forma, quer os princípios, encontram-se no segredo dos Deuses, no entanto ficou esclarecido, que poderão aceder em qualquer altura aos equipamentos que usamos e chafurdar tudo o que lá está, que todos os trabalhadores apenas podem usar os equipamentos da empresa para uso estritamente profissional e que não é premitido o uso de outros equipamentos.

Vós não fazeis ideia o quanto esta acção terrorista penalizou a minha vida, deixei de poder ter tempos de pausa preenchidos, porque as pausas existem com os tempos mortos, mas não podem ser ocupadas, com um desanuviar da cabeça pela blogoesfera; deixei de poder pagar a cresce do niquinho, de carregar telemóveis, de fazer pesquisas sobre ruas, ou restaurantes.

É claro para mim, que a empresa onde trabalho não me paga para andar a tratar de assuntos pessoais, mas qualquer empresa do mundo, minimamente consciente, quer trabalhadores motivados, e não trabalhadores que dêem em doidos.

Se o meu caso é um caso de buling, não o é de todo, é apenas mais um caso de alguém que sofre com a má formação e rales de mentalidade alheias.

Bem mas hoje, hoje fiquei de alma lavada, afinal, quem com ferro mata, com ferro morre.

António Feio, é assim que gosto de me lembrar dele.

image

6 de Dezembro 1954 – 29 de Julho 2010

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Love Parade

clip_image002

O festival Love Parade na Alemanha, queria ficar conhecido, pelo maior festival do mundo de música electrónica.

As falta de condições do recinto, ou a aderencia inesperada, em conjunto com acontecimentos inexplicáveis lançou o pânico entre as pessoas e acabou por transformar esta “Parada do Amor” numa tragédia.

Morreram 19 pessoas espezinhadas e 300 ficaram feridas.

Dia dos Avós

Porque se não fossem eles, os Bombeiros e a Santa Casa da Misericórdia, o País estava ainda num buraco mais fundo,

Deixo aqui um grande beijinho para a minha rica Vovó.

clip_image002

terça-feira, 20 de julho de 2010

Pedro Passos Coelho anda a brincar aos cowboys...

O novo tema lançado para a agenda política sobre alterações constitucionais e afins tem sabido que nem gingas ao PS e ao nosso Primeiríssimo, para além de revelar uma falta de maturidade do novo líder laranja.

Que o país vai mal, já todos percebemos, e que de facto precisamos de grandes mudanças também, mas será este o momento oportuno para alterar o sistema geral?

Será que o despessismo público das carregadas de empresas municipais e institutos que este país tem, (não acredito que exista um único documento que quantifique os euros que se aplicam neste tipo de instituição), não é maior que os gastos do SNS ou das Escolas públicas?

Será que a ideia generalizada do serviço ao estado não está distorcida, e as pessoas que se associação ao suposto interesse do país não vão com segundas e terceiras intenções?

Parece-me que o problema grave que temos, se resolve com uma boa gestão, com um unico lema, “não gastar o que não temos em coisas desnecessárias” afinal não é assim que vivemos em casa.
Quando vamos comprar comidinha, se apenas temos 10 euros, não compramos caviar, compramos miudos de frango e fazemos um guisadinho.

A falta de percepção da realidade é um grave problema que muitas vezes se resolve com umas quantas idas ao psiquiatra, eles podem ajudar os demais a se conterem.

Com contenção e vergonha na cara o pais ficava que nem um brinquinho.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Parabéns aos Noivos Francisca e Ricardo Pereira

clip_image002

Casaram no sábado passado dia 17 de Julho, venderam o exclusivo das fotos, dos vídeos e tudo mais o resto à Caras, que fez uma reportagem completa do evento.

Muita tinta já foi escrita sobre este casal, engraçado e divertido.

As noivas e as gravidas, estão sempre lindas, porque o seu estado é de felicidade pura.

Muitos parabéns!!!

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Esfoliante Crusher Cabernet da Caudalíe París

Este é só o melhor esfoliante que conheço, para não falar que a marca tem preocupações em usar componentes naturais e biológicos nos seus produtos, todos sem o horrivel detergente laureth de sodium sulfato, usado em imensissímos produtos.

Uma quantidade infima de produto, é suficiente para esfoliar o corpo todo, é forte, e os resultados são brilhantes.

image

terça-feira, 13 de julho de 2010

Iker que guapo

Já não há meninas roubadas em cavalos brancos, como a belíssima avó do meu mais-que-tudo que à 63 anos foi assim, romanticamente, conduzida pelo seu amado ao altar, o já falecido avô. A jovem donzela foi roubada à família, que se viu assim obrigada a realizar o casamento, como remedeio da honra.

Hoje, essas histórias já não existem, até porque a honra anda perdida, e os cavalos branco estão em vias de extinção, nada que tenha haver com homens perdidamente apaixonados e que se deixam levar pelo sentimento do amor.

As comédias românticas, com grandes êxitos de bilheteira estão ai e são a mais viva prova disso mesmo, ainda existem sim, homens capazes de gestos românticos e de ternura*, esses são actores, mas meninas procurem bem porque existem ainda também aqueles exemplares da espécie reais, como o Iker Casillas.

O guardião das redes Espanholas durante o mundial de 2010, foi em conjunto com a sua amada Sara Carbonero (repórter desportiva da Tele 5), o protagonista de um momento encantador que ficará na história.

Casillas foi considerado o melhor guarda-redes do mundial, e durante uma pequena entrevista que dava à sua namorada, ainda no clímax das emoções da vitória, dizia, “estou muito contente, pois claro” agradecendo visivelmente emocionado, primeiro aos pais, e amigos e depois a todas as pessoas que o ajudaram, com as lágrimas quase a correrem, a sua amada socorrendo não só o guarda-redes como a sua entrevista, dizia “No pasa nada”, “Vamos falar do jogo”.

Mas heis que o jovem rapaz, ficou quieto, imóvel e segurou nos braços a mulher que amava e beijou-a em directo para todo o mundo, a jornalista surpreendida suspirou “Madre Mia”, afinal aquela prova de amor, depois das provações que ambos passaram quando a Espanha perdeu o primeiro jogo com a Suíça por (1-0), não só reforçou o amor do casal, como também atingiu em jeito de duelo, as vozes que bradaram “Carbonero é uma distracção”.


* (eu não me posso queixar, porque tenho um maridaço impecável, com gestos românticos and so one, mas sei de muito rapaz, que está para o romantismo, como a família do Cristiano Ronaldo está para o bom gosto).

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Cristianinho

Nada se sabe sobre a verdadeira história desta criança,

mas para a empresa e para quem a lê,

isso também não é importante

o que não se souber inventasse.

terça-feira, 6 de julho de 2010

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Estamos esclarecidos?

clip_image002

A personagem, assumiu finalmente a sua homosexualidade, para quem ainda tinha dúvidas, claro está.

Haja alguma coisa...

... que este governo tenha feito que eu concorde.

Usar as suas gold shares e impugnar o negócio de Vivo.

terça-feira, 29 de junho de 2010

O Fim do 24 horas


clip_image002
Hoje saiu a ultima edição do 24 horas, a capa sensacionalista, empurra-nos para um enredo que não existe, afinal a decisão de fechar o 24 horas segundo um dos administradores "decorre da profunda alteração estrutural do mercado de imprensa, que nos exige decisões estratégicas que conduzam a novos modelos de negócio".

Em comparação com o ano anterior o diário apresentava quedas de médias de circulação paga de menos 51%, justificando assim a decisão de encerramento do grupo.

A questão que me ponho, é tentar perceber se essa alteração profunda do mercado deriva da crise económica em que nos encontramos, ou se temos apenas uma saturação dos jornais sanguinários e sensacionalistas.

Custa-me a crer que Portugal, um pais de mexeriqueiros, alcoviteiros e afins tenha abruptamente deixado de ler jornais do género e procurado cultivar-se com temas mais eruditos que não a vida alheia.

Como parece fazer ver a capa o 24 horas, auto intitula-se como o justiciero, e quer dizer à mais jornais que dão trotadas no governo, como o Publico e o Sol, nem todos seguem o exemplo do DN, alias jornal do grupo a que pertence este mesmo, que evitam ao máximo publicar tudo o que possa levar as hostes apuparem os políticos e os trafulhas.

Quanto aos actores e famosos, que trocam de namorada e acumulam dívidas, o 24 horas pode ficar sossegadinho, porque o que não falta por ai é resvistinhas do género que saciaram o bricabraque do bom Português.

Claro que 12 anos de histórias do 24, sensibilizam qualquer um, mesmo que o jornal seja um pasquim, e eu não sou indiferente a esses sentimentos nobres.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

segunda-feira, 24 de maio de 2010

O Casamento do P. e da S. Parte II

Ora eu cá estava com grandes expectativas em relação a este casório, afinal iria reencontrar a S. pois também ela estava convidada para o casamento do P. e da S, o meu mais-que-tudo, não estava muito pelos ajustes, talvez porque ele já tivesse ouvido uns zunzuns sobre o comportamento pouco amistoso da sua rica prima.

Na verdade o reencontro foi muito frio e rápido, um olá sem olhar nos olhos e uma indiferença muito grande, uma não preocupação em reparar no meu niquinho, e uma grande vontade de fazer de conta que aquela criança e aquele casal eram uns quaisquer que também tinham ido ao casamento de uns amigos comuns.

Não insisti, vivo bem e sem culpas, e não gosto de desdém ao meu filho, por isso tomei a mesma atitude, desisti de procurar uma explicação. Guardo a S. no meu coração com carinho por tudo o que vivemos e por ser ela a responsável pelo meu primeiro encontro com o homem da minha vida.

O Casamento do P. e da S.

O P. é o maior amigo do meu mais-que-tudo e para além de ser o padrinho do meu niquinho é para mim também um grande amigo.

O P. e a S. casaram no fim-de-semana passado, e a festa foi muito divertida, o São Pedro colaborou até mais do que a conta e o calor manifestou-se grandemente.

A cerimónia foi bonita e a felicidade na cara dos noivos contagiava os convivas em geral, apesar de saberem que a vida de casados não seria fácil e que as contrariedades que se avizinhavam eram muitas, os noivos, ainda assim jorram felicidade.

Cada faz o que o coração manda, ou pelo menos deveria fazer, mas muitas vezes a razão tem de dar a mão ao coração e puxa-lo à realidade, o P. e a S. têm de ser muito fortes, e muito unidos, afinal uma vida a dois já não é fácil quando estamos lado a lado, quanto mais com um oceano a separar-nos.

Aos noivos faço votos das maiores felicidades, alegrias, desejo muitos rebentos, uma casa cheia e farta, com saúde e muito amor.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Lancheira procura-se!

Isto de andar todos os dias com a carteira carregada com comida tem de acabar.

Procuro lancheira fashion e de preferencia com propriedades térmicas.

Aceitam-se sugestões.

domingo, 25 de abril de 2010

Faço, não faço, faço não faço?

Nada mais oportuno que o dia das revoluções Portuguesas, para reflectir sobre a censura que impus a mim própria.

Este blog não fala em nomes, apenas conta histórias pessoais, se alguém o ler e servir a carapuça, pois, paciência temos pena.

Afinal devo mante-lo assim, ou coloco-o free na blogoesfera?!!!?!???

Este dilema, esta a deixar-me ainda mais confusa, por um lado não posso deixar que nada interfira com o meu trabalho, e sabendo que me andam a espionar, não devo correr riscos.

Mas com posts como este é quase como caminhar para a forca se os mantiver aberto a qualquer leitor.

É um assumir, anonimamente, tudo o que penso, tudo o que sinto, mas que à partida pode ser provado com programas de computador que os uploads foram feitos por mim, durante as horas de trabalho.

Mesmo que eu deixe de aceder ao blog no escritório, e este tiver aberto, podem provar que até à data x, era no meu IP de trabalho que eram publicados os textos.

Ainda assim, fico com muita vontade de correr esses riscos.

Não sei o que faça!
designed by Charming Templates